Bem vindos ao Blog do Julhão, um blog 100% Esportivo e atualizado diariamente por Júlio César.

terça-feira, 28 de maio de 2013

CAMPEONATO JOÃO ALFREDENSE DE FUTSAL - 2013




Real  confirma o favoritismo e conquista o terceiro título municipal de futsal da sua história

Em noite inspirada do goleiro Beto e com quatro gols de Léo, o Real não deu chances ao Red Bull e conquistou na noite do último Sábado (25/05) o Tricampeonato João Alfredense de Futsal.


            Mais um jogo que entrou para a história de futsal João Alfredense. Real FC e Red Bull fizeram uma partida extremamente disputada onde prevaleceu o poder ofensivo do atacante Léo artilheiro da competição com 21 gols. Além disso numa noite inesquecível para o goleiro Beto que fez a melhor partida talvez da sua vida onde até pênalti defendeu garantindo mais tranquilidade a sua equipe. O Red Bull até então com uma campanha irretocável com 100% de aproveitamento, chegava a sua primeira final qualificado por ter derrotado na competição adversários como o poderoso Boa Vista (3 a 2) e o sempre difícil time do Juventude (5 a 3). Com resultados deste nível mantinha boas chances de também conquistar o campeonato.
Do outro lado uma equipe acostumada a decidir o campeonato municipal e também com 100% de aproveitamento, tendo nas semifinais eliminado o seu maior rival - Boa Vista - por (6 a 5), chegava como favorito na decisão do municipal de 2013. Com uma equipe mais entrosada que a do Red Bull, o Real fez bonito e confirmou dentro das quatro linhas o que muitos fora dela imaginavam, que neste ano não poderia dar outro resultado a não ser a conquista do Tricampeonato João Alfredense. 

               Com uma organização de dar inveja a muitos campeonatos profissionais do Brasil, Real e Red Bull entraram juntas no Ginásio de Esportes Djair Santos lado a lado e perfilaram ao som do tema de abertura da Champions Ligue para o delírio dos mais 800 torcedores que se fizeram presentes para acompanha a decisão inédita do Campeonato Municipal de João Alfredo. O cantor Paulinho se encarregou de entoar o Hino Nacional Brasileiro emocionando vários jogadores das duas equipes. Ao final da decisão com o título do Real confirmado, mais uma novidade. Após as entregas das premiações do terceiro lugar para o Boa Vista que bateu o Juventude por 8 a 1. Da entrega das medalhas e o troféu para o Red Bull, veio o ponto maior da festa. Ao receber o Troféu de campeão uma chuva de papeis prateados que caia sobre os jogadores deixou uma impressão maravilhosa que todos aprovaram com satisfação. Logo depois da volta olímpica o DJ Bola fez a festa dos torcedores com um grande show pirotécnico e com muita musica boa.

O Jogo

                A partida mau tinha começado e o Real já tinha desperdiçado duas boas chances de abrir o placar com Léo e Neguinho. O Red Bull também poderia ter inaugurado o placar com Wilson que desperdiçou uma chance clara de cara com o goleiro Beto. Mais que saiu na frente foi mesmo o Real. Aos três minutos, num bate rebate dentro da área do Red Bull, Léo mostrou seu faro de gol e mandou para o fundo do gol iniciando seu show particular. Aos 13 minutos pênalti para o Red Bull, Edi pegou a bola e chamou a responsabilidade para si, ele partiu consciente e chutou forte mais Beto com um gato acertou o canto certo e evitou o gol de empate do Red Bull. A defesa extraordinária de Beto fez com que o Real crescesse na partida e aos 23 minutos ampliou para 2 a 0 com um gol laço de Léo mandando um chutaço no ângulo do goleiro Luiz. Outras oportunidades foram criadas por ambas as equipes mais o placar do primeiro tempo terminou em 2 a 0 para o Real.
                 No segundo tempo o Técnico Nado do Red Bul mudou a postura da equipe e logo no primeiro minuto o Red Bul diminuiu o placar com Wilson. O gol fez o Real encolher e o Red Bull passou a pressionar com muita força o adversário. Mais em um contra ataque rápido, o Real marcou o terceiro gol novamente com Léo. Quem achava que o Red Bull se entregaria estava enganado. Aos 11 minutos Wilson diminuiu novamente o placar agora para 3 a 2. Por duas vezes o Red Bull teve a chance do empate mais diz o ditado de quem não faz leva, aconteceu. Aos 15 minutos Júnior recebeu passe na medida e tocou por baixo de Luiz para aumentar a contagem. 4 a 2. Com o quarto gol sofrido o Red Bull não se encontrou mais em quadra e nada dava mais certo, assim ainda deu tempo de Léo marcar mais um aos 24 minutos dando números finais a decisão da competição. Final Real tricampeão João Alfredense 5, Red Bull 2.



Real FC
Red Bull

5 x 2




Local: Ginásio Poliesportivo Djair Santos (João Alfredo/PE)
Data: 25/05/2013
Hora: 21h30
Público: 834
Renda: Portões abertos
Árbitros: Júnior e Celino
Mesário: Nicláudio
Gols: Léo (Real) 3' e 23' do 1º tempo; Wilson (Red Bull) 1', Léo (Real) 7', Wilson (Red Bull) 11', Júnior (Real) 15' e Léo (Real) 24' do 2º tempo;

REAL FC
Beto, José, Ninho, Negunho, Vovô, Léo e Júnior.
Técnico: Alex

RED BULL
Luiz, Fernando, Marcos, Eduardo, Edi, Pingo, Tó, Biu, Wilson e Maria.
Técnico: Nado

IMAGENS



 

 

 




















Nenhum comentário:

Postar um comentário